(14) 3407-8000 | (14) 98165-9435 | (14) 99850-1460 | (14) 99770-8001

Postado em 21/12/2020

VOCÊ SABIA QUE EXISTE A ÁREA DE DERMATOLOGIA VETERINÁRIA?

Você sabia que existe a área de dermatologia veterinária? Pois é, e ainda conta com uma das maiores casuísticas dentro da profissão. Há cursos de pós-graduação/especialização voltados pra esse segmento. 

Somos capacitados a diagnosticar e tratar inúmeras enfermidades e mais!!! Também a conscientizar e esclarecer sobre algumas doenças, como as alergias que não possuem cura, mas contam com manutenções adequadas que melhoram em muito a qualidade de vida. Sim, parte importante do acompanhamento do paciente está na abordagem e o conhecimento que o tutor adquirirá a respeito do que seu animalzinho apresenta e como ele pode contribuir para que as crises diminuam, evitando maiores frustrações. Costumo dizer que, se isso não ocorrer, dificilmente conseguiremos manter o tutor ao nosso lado. E para isso, as primeiras consultas tendem a ser um pouco mais longas.  

Durante o atendimento, sempre devemos coletar material para avaliar a superfície da pele pois precisamos saber se há e qual o tipo de infecção oportunista secundária a doença base. Complexo não é mesmo? Mas a primeira consideração é a de que temos em nossa pele bactérias e fungos que a princípio vivem de forma amistosa, mas que em determinados casos podem induzir patologias oportunistas e aí sim, também devemos tratá-las. E quando não são suficientes e precisamos avaliar as camadas mais profundas, somos treinados a realizar procedimentos de biopsia, com diferentes técnicas dependendo do que se deseja analisar. Claro que se tratando de especialidades, o bloqueio local, sedação ou anestesia fica a critério do médico veterinário com tal formação. E olha que interessante: os casos mais complexos pedem uma análise minuciosa realizada por um médico veterinário patologista com atuação em pele, é o chamado dermatohistopatologista. Ele tem o olho treinado e as vezes detalhes fazem a diferença!

 E sabe aquela otite que nunca cura? É o veterinário que trabalha com dermatologia que, atualmente, é o mais capacitado a descobrir o porquê e como podemos ajudar...quais exames fazer e porque, tratamento clínico de um quadro crônico, associação cirúrgica! “O ouvido é uma extensão da pele”. E a lambedura das patas? Nós também cuidamos dessa parte, mas temos que lembrar que o comportamento se faz importante. Vale a pena investir em cursos envolvidos na área de psicodermatologia ou psicologia veterinária.

Então além de fazer cursos de pós-graduação/especialização na área é importante que realizemos capacitações que nos permitam trabalhar melhores diagnósticos /tratamento e claro, quando necessário, encaminhar ao profissional especializado, como em casos de doenças hormonais com reflexo em pele, por exemplo.

.

Matéria publicada por:

Prof. Rodrigo Trolezi

Médico veterinário Me especializado em dermatologia veterinária

 

FAEF FAIT FAIP Eduvale

Newsletter

Receba informativos e novidades em seu email


Fale Conosco

(14) 3407-8000 | (14) 98165-9435 | (14) 99850-1460 | (14) 99770-8001
Copyright © 2017 GRUPO FAEF. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por StrikeOn.